Dourados: Clima de tensão permanece em região ocupada e segurança flagra indígena com facão; veja vídeo

03/09/2019 17:30 Policial
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O clima de tensão continua na região da Perimetral Norte em Dourados, mais precisamente aos fundos do bairro Monte Carlo. Na segunda-feira (2/9), seguranças de uma área privada que estão no local filmaram um indígena, aparentando estado alterado, em posse de um facão se aproximando do container onde estão instalados. 

Conforme é possível observar nas imagens, o homem aparece gritando e fazendo gestos com o objeto. Em determinado momento ele é contido por uma mulher – veja vídeo abaixo.  

A região é alvo de várias invasões por parte de grupos considerados ‘desaldeados’ que ocupam pequenas propriedades. 

Na semana passada, no mesmo espaço, a Polícia Militar precisou ser acionada e intervir para evitar confronto entre as partes, após indígenas atearem fogo em alguns pontos de vegetação e iniciar a construção de barracos para acomodação. 

Logo depois, o grupo ficou reunido do outro lado da Perimetral Norte. 

Ameaças

Conforme já mostrado pelo Dourados News, as invasões em áreas privadas urbanas e de sítios localizadas na região Norte de Dourados têm sido ampliadas pelos indígenas considerados desaldeados.

Eles fazem parte de grupos cooptados de aldeias fora do município, principalmente da região de Caarapó, Amambai e Ponta Porã. 

Em julho, pelo menos dois boletins de ocorrência foram registrados no 1º Distrito Policial do município. 

“Eles prometeram invadir tudo e tocar fogo nas propriedades e queimar quem estivesse fazendo a segurança da área”, revelou à polícia um dos seguranças que trabalham no local em boletim de ocorrência datado de 21 de julho. 

Em outro caso, registrado cinco dias antes do citado acima, o Corpo de Bombeiros precisou ser acionado para atender ocorrência de incêndio em uma das áreas privadas ocupadas pelos indígenas. 

Na ação, iniciada por volta das 13h do dia 16 de julho, houve conflito e três pessoas acabaram feridas, dois indígenas e um servidor de uma das propriedades. 

Coquetel molotov e flechas foram apreendidas no dia da operação pela Polícia Militar, que chegou a ser ameaçada pelo grupo. 

 

 

Fonte: Adriano Moretto e Vinícios Araújo / Dourados News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.