Sindicato Rural critica Fundersul de Reinaldo e painel é derrubado na BR-262

A suspeita é de que pecuaristas da região com vínculos políticos teriam mandado derrubar o painel
02/12/2019 16:25 Política
Madeiras que sustentavam outdoor foram cortadas. (Divulgação)
Madeiras que sustentavam outdoor foram cortadas. (Divulgação)

Um outdoor com a foto do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e críticas de produtores rurais com relação ao aumento do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento Rural), instalado às margens da BR-262 em Anastácio, distante 138 quilômetros de Campo Grande, foi derrubado com o uso de uma motosserra, na tarde de domingo (1º). A suspeita é de que pecuaristas da região com vínculos políticos teriam mandado derrubar o painel.

O Sindicato Rural de Aquidauana pagou pela confecção de três outdoors, sobre o aumento no Fundersul e do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) da gasolina. Um dos painéis criticava o governador, o outro tem a foto dos deputados que foram a favor do projeto de lei de Reinaldo e por fim, um outdoor com a foto do deputado Felipe Orro (PSDB) que foi o deputado mais votado na cidade e foi a favor do projeto.

De acordo com a nota do Sindicato Rural, no início da tarde de domingo, um dos funcionários da empresa de outdoors relatou ao sindicato, ter sido ameaçado por um cidadão que exigia a retirada imediata do outdoor relativo ao deputado Felipe Orro, instalado na avenida Pantaneta.

Já no fim da tarde, o Sindicato foi informado que o outdoor com a foto de Reinaldo foi derrubado, sendo

cortado os palanques de madeira que sustentavam o painel, com o uso de motosserra, aparentemente.

A notícia rapidamente se espalhou pela cidade e o Sindicato Rural se posicionou sobre o assunto, nesta segunda-feira (2). A nota divulgada tem a informação que o fato constitui ataque direto à liberdade de expressão e ao exercício legítimo da crítica às autoridades públicas numa democracia.

Ainda conforme a nota do sindicato, “são atos criminosos, de maneira que a autoridade policial será devidamente acionada e comunicada a respeito do ocorrido. Este Sindicato não fará qualquer ilação sobre as motivações ou a responsabilidade desses ataques, assunto que será tratado pelos canais e autoridades competentes.

O Sindicato ainda chamou de ato covarde a derrubada do outdoor e “ao invés de nos intimidarem, apenas nos dão mais força para continuar neste caminho”.

A reportagem do Jornal Midiamax tentou conversar com o presidente do Sindicato Rural de Aquidauana, Carlos Quelho de Castro, mas não conseguiu contato até o fechamento deste texto. Também foram feitas ligações e envio de mensagens ao deputado Felipe Orro, mas a reportagem não conseguiu falar com o parlamentar. 

Fonte: Renata Volpe / Midiamax

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.