‘Se não vou utilizar, não é justo que eu receba’, diz Rose ao abrir mão de auxílio-mudança

O ofício foi protocolado nesta quarta-feira
09/01/2019 19:58 Política
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A deputada federal eleita por MS, Rose Modesto (PSDB) abriu mão dos R$ 33 mil que receberia de auxílio-mudança assim que tomasse posse do cargo em Brasília. O ofício foi protocolado nesta quarta-feira (9).

“Eu não vou gastar esse recurso com mudança. Se ele é para esse fim e não vou utilizar, não é justo que eu receba. Daí saiu a decisão de eu abrir mão”, explicou Rose em contato com o Jornal Midiamax.

A deputada eleita também explica que quando abre mão do recurso desta maneira, “ele [recurso] volta para Câmara, que é responsável por fazer a gestão dos recursos”, não abrindo possibilidade de a verba ser destinada para outro local.

O auxílio-mudança nada mais é que um dinheiro extra que os deputados eleitos, no primeiro mandato, recebem quando chegam a capital federal e é pago para custear as despesas como transporte, mudanças e etc.

Fonte: Vinícius Costa / Midiamax

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.