Polícia prende dupla suspeita de roubar 15 veículos em Dourados

08/11/2018 09:07 Policial
Adriano Aparecido de Souza Placido, de 35 anos, e Renner Pimentel, de 21 anos, - Fotos: Sidnei Bronka
Adriano Aparecido de Souza Placido, de 35 anos, e Renner Pimentel, de 21 anos, - Fotos: Sidnei Bronka

Policiais do Serviço de Investigação Geral (SIG) prenderam no final da arde de ontem (7), na Sitioca Alvorada, dois homens suspeitos de terem roubado, pelo menos, 15 veículos em Dourados. 

Adriano Aparecido de Souza Placido, de 35 anos, e Renner Pimentel, de 21 anos, estavam foragidos, desde terça-feira (6), depois de uma perseguição policial, porém, já vinham sendo investigados há algum tempo. 

Adriano, Renner, Marta Doralice Vieira Canete, de 24 anos, e adolescente de 14 anos, seriam os mesmos que trocaram tiros com a polícia e foram alvos de operações em Dourados.

A mulher, que havia sido presa na terça-feira, foi colocada em liberdade depois de audiência. O adolescente está recolhido na Unidade Educacional de Internação Masculina (Unei) e os dois homens estão presos na Primeira Delegacia de Polícia de Dourados, mas, devem ser transferidos, nas próximas horas, para o Presídio Estadual de Dourados (PED).

PRISÃO E APREENSÃO 

Na terça-feira (6), por volta das 17h30, uma mulher, que chegava em casa com a moto dela, no bairro Altos do Indaiá, foi assaltada por dois homens e ficou sem a moto.

Mais tarde, por volta das 21h30, um motoboy foi assaltado, na região do Jardim Clímax, pela mesma dubla, e também ficou sem a moto. De acordo com o trabalhador, um jovem de 23 anos, a dupla estava armada.

Depois, os acusados fugiram, cada um com uma moto, na direção da Vila Cachoeirinha, em alta velocidade, e se depararam com uma viatura da Polícia Militar.

A polícia, ao avistar os suspeitos, foi atrás de um deles, já que estava apenas com uma viatura. Abordado, um dos suspeitos, de 14 anos, disse que mora em Pedro Juan Caballero (PY). Durante a conversa com os policiais, o telefone do adolescente começou a tocar e, quando ele atendeu, um dos comparsas pediu em qual local ele e o outro parceiro estavam.

O menor, então, marcou um encontro com a pessoa do telefone, no final da Hayel Bon Faker. Equipes da PM, juntamente com o menor, seguiram até o local do encontro.

Chegando no endereço combinado, dois homens, que estavam em uma Saveiro verde, perceberam a aproximação da polícia e iniciaram uma fuga pela BR-163.

Os suspeitos seguiram pela contramão, sentido trevo da Bandeira ao trevo do Distrito Industrial. Instantes depois, no Jardim Colibri, eles abandonaram o veículo e fugiram pelo matagal.

Durante a procura pelos homens, a polícia acabou encontrando a moto roubada do motoboy no meio do mato na região do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial). Mais tarde, depois de algumas informações, a polícia seguiu até uma residência na Rua Altamira, no Jóquei Clube, e encontraram Marta Doralice Vieira Canete, de 24 anos, e o marido Adriano Aparecido de Souza Placido, de 35 anos. Nessa residência, a polícia descobriu que o casal dava suporte aos criminosos.

Uma terceira pessoa, Renner Pimentel, de 21 anos, que seria de Ponta Porã, segundo a dona da residência, estava na Saveiro verde, juntamente com o marido dela, que fugiram. Porém, foram capturados no final da tarde de ontem.

Na casa do casal, a polícia apreendeu dinheiro proveniente de roubos. Com o menor, de 14 anos, foi apreendida uma pistola calibre .40, que é do policial militar, segurança do senador eleito Nelsinho Trad, que sofreu uma tentativa de assalto no mês passado em Dourados.

Diante dos fatos, Marta Doralice Vieira Canete foi autuada por associação criminosa, porém, foi colocada em liberdade, ontem, depois de audiência, e o menor, por porte de arma e roubo.

Além disso, as duas motos roubadas ontem, no Altos do Indaiá e do Jardim Colibri, foram recuperadas.

 

Fonte: Karol Chicoski e Sidnei Bronka / 94 FM Dourados

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.