Jornalista é assassinado com vários tiros na fronteira

A vítima jantava com a família quando foi surpreendida por três homens encapuzados.
13/02/2020 09:08 Policial
Léo Veras trabalhava na região há 15 anos cobrindo notícias policiais - Foto: Reprodução/Facebook
Léo Veras trabalhava na região há 15 anos cobrindo notícias policiais - Foto: Reprodução/Facebook

O jornalista Lourenço Veras, mais conhecido como Léo Veras, foi assassinado na noite de ontem (12) em Pedro Juan Caballero. A vítima jantava com a família quando foi surpreendida por três homens encapuzados. O jornalista chegou a ser encaminhado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos. 

Segundo a perícia técnica, Léo Veras foi atingido com pelo menos 12 tiros de metralhadora. 

De acordo com testemunhas, depois dos disparos, o trio fugiu com um Jeep modelo Cherokee. Ainda não há informações dos suspeitos.

O jornalista era proprietário do site Porã News e trabalhava na região há 15 anos cobrindo notícias policiais. No domingo, o a Record TV transmitiu uma reportagem especial sobre o tráfico de drogas e violência na fronteira e Léo Veras concedeu entrevista, falando que já havia recebido ameaças de morte várias vezes.

Fonte: Karol Chicoski e Sidnei Bronka / 94 FM Dourados

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.