Revista 'Time' revela finalistas para Pessoa do Ano 2017

05/12/2017 04:20 Mundo
Mohammed bin Salman, o príncipe herdeiro saudita - Divulgação
Mohammed bin Salman, o príncipe herdeiro saudita - Divulgação

A revista "Time" divulgou nesta segunda-feira (4) os finalistas da indicação de Pessoa do Ano que a publicação norte-americana faz todos os anos desde 1927, em reconhecimento a uma pessoa ou grupo que mais influenciou o noticiário daquele ano, para o bem ou para o mal. O anúncio do indicado será feito na próxima quarta-feira (6).

São 10 os indicados para 2017, dos quais cinco são líderes mundiais ou autoridades de países: o presidente dos EUA, Donald Trump; o líder norte-coreano, Kim Jong-un; o príncipe herdeiro saudita, Mohammed bin Salman; o líder chinês, Xi Jinping; e o procurador especial Robert Mueller, que está investigando a suposta interferência russa nas eleições americanas de 2016.

Outros cinco indicados são: o jogador de futebol americano Colin Kaepernick, que lançou um debate contra o racismo e a violência policial e acabou ficando sem time; Patty Jenkins, a primeira diretora de cinema que fez mais de US$ 100 milhões na estreia (no caso, com "Mulher Maravilha); os Dreamers, filhos de imigrantes ilegais trazidos pelos pais aos EUA quando crianças e cujo futuro é incerto no governo Trump; o CEO da Amazon, Jeff Bezos, que se tornou o homem mais rico do mundo; e o movimento #MeToo, que denunciou assédio sexual pelas redes sociais.

Sobre Kim Jong-un, a revista explicou que ele "renovou a ameaça de uma guerra nuclear nas mentes americanas, ao lançar repetidos testes de mísseis intercontinentais balísticos e trocar ameaças e insultos com o presidente Trump, que o apelidou de "Homem Foguete".

A revista lembrou que Trump foi indicado Pessoa do Ano 2016 e "passou seu primeiro ano no Salão Oval tentando desmantelar o trabalho do Governo Obama, da saúde à política de imigração, das regulações ambientais à reforma tributária, tudo isso enquanto continua provocando conflitos e controvérsias com um feed de Twitter sem filtros".

Sobre o líder chinês, a "Time" afirma que Xi "ganhou um segundo mandato de cinco anos e foi inscrito na Constituição do Partido Comunista, conquistando nova autoridade e reforçando seu status como o mais poderoso líder do país em décadas".

Em anos recentes, foram indicados como Pessoa do Ano Hillary Clinton; o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg; o presidente russo, Vladimir Putin; Beyoncé e outros.

Fonte: Folhapress

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.