Mulheres são maioria nos principais setores da economia do Estado

09/03/2020 11:43 Mulher
Em 2019 a participação da mulher no mercado de trabalho formal chegou a 42,1% - Crédito: Divulgação
Em 2019 a participação da mulher no mercado de trabalho formal chegou a 42,1% - Crédito: Divulgação

Com mais de 90% das empresas constituídas em 2019, os setores de comércio e serviços são os principais desenvolvedores da economia sul-mato-grossense e são nessas áreas onde a mulher tem cada vez mais participação, seja como empreendedora ou funcionária.

Carina Mendonça é um exemplo da mulher que movimenta a economia de Mato Grosso do Sul. Aos 38 anos deixou o emprego fixo e a carreira estável para se arriscar no mundo do empreendedorismo; escolheu uma franquia nacional de venda de bolos e abriu a primeira loja, na rua Brilhante, em Campo Grande.

Oito anos depois, ela é proprietária de quatro unidades da franquia distribuídas entre Campo Grande, Dourados e Ponta Porã. O bom atendimento é a palavra chave de Carina para o sucesso e para dar conta de administrar todas as lojas com qualidade e eficiência, hoje toda a família está envolvida no negócio. Ela também emprega 35 pessoas no Estado, sendo 34 mulheres.

Em 2019 a participação da mulher no mercado de trabalho formal chegou a 42,1%. Os números do IBGE confirmam que os setores serviços e comércio são os principais responsáveis pelo crescimento frequente da mulher como trabalhadora. Em 2019 somavam 276,9 mil mulheres no emprego formal, sendo que do total 236,245 mil atuam ou no comércio ou com serviços.

Titular da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), o secretario Jaime Verruck explica que apesar da expansão das indústrias no Estado, são os pequenos negócios os principais responsáveis pela geração de emprego e renda para a população. “Como empreendedora ou funcionária, a mulher tem conquistado seu espaço no comércio e nos serviços, sendo parte importante da economia estadual”.

Entre as optantes do MEI (Microempreendedor individual) a realidade é a mesma. São 55,3 mil mulheres empreendendo neste segmento em Mato Grosso do Sul, representando 54% no comércio e 52% entre o setor de serviços.

Fonte: Dourados News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.