STF manda investigar ministro Gilmar Mendes sobre relatório da Receita Federal

As solicitações foram encaminhada ao ministro da Economia, Paulo Guedes, ao secretário da Receita, Marcos Cintra, e à procuradora-geral da República, Raquel Dodge.
09/02/2019 06:14 Justiça
Ministro Gilmar Mendes / José Cruz/Agência Brasil
Ministro Gilmar Mendes / José Cruz/Agência Brasil

Nesta sexta-feira (08), o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, solicitou a apuração de eventuais atos ilícitos envolvendo um relatório da Receita Federal sobre o ministro Gilmar Mendes e sua esposa Guiomar Mendes. 

Após recebimento de comunicado sobre um possível envolvimento em fraudes de corrupção, lavagem de dinheiro, ocultação de patrimônio ou tráfico de influência, Toffoli encaminhou a apuração dos fatos envolvendo o ministro e sua esposa. 

De acordo com a Agência Brasil, Mendes relata que, "nenhum fato concreto é apresentado nos trechos dos referidos documentos que foram vazados à imprensa". Afirmou ainda que até o momento não recebeu intimação referente ao procedimento fiscal nem teve acesso ao seu inteiro teor.

Já nos ofícios encaminhados por Dias Toffoli, foi solicitado que as providências sejam adotadas pela chefia da Receita. "Ao tempo em que cumprimento Vossa Excelência, solicito que sejam adotadas as providências cabíveis quanto aos fatos narrados pelo ministro Gilmar Mendes, conforme cópia do ofício em anexo, consistentes na prática de atos e respectivos responsáveis, os quais merecem a devida apuração", aponta o texto dos ofícios.

Fonte: Flavia Andrade / Capital News / Capital News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.