Três outdoors em apoio a Bolsonaro são instalados no município em Itaporã

Os três outdoors instaladas em locais estratégicos (entrada da cidade) visam demonstrar o apoio ao presidente.
12/08/2020 18:51 Itaporã
Foto por João Carlos Escabora/Itapora News
Foto por João Carlos Escabora/Itapora News

Em Itaporã, diversas empresas, comerciantes, agricultores e pecuaristas se uniram para divulgar o apoio ao presidente da República, Jair Bolsonaro. Foram instalados três outdoors, e realizados adesivos e camisetas expressivas.

Quem chega de Maracaju, distrito de Montese e Dourados, se depara com os outdoors. O grupo voluntário que apoia o presidente acredita que o atual governo vêm possibilitando o crescimento do País, oferecendo mais oportunidades para quem quer empreender e expandir.

Informações repassada a reportagem do site Itaporã News, que a lista de pessoas envolvidas na ação é muito grande, por está razão não serão divulgados os nomes, envolvendo vários itaporaenses conhecidos e empresas de grande e pequeno porte do município.

Itaporã é mais um dos municípios do Mato Grosso do Sul que realiza  está ação em apoio ao Presidente. Outras cidades como Amambai e Naviraí também contaram com apoiadores do presidente que instalaram outdoors

Jair Bolsonaro deve visitar Mato Grosso do Sul na próxima terça-feira. Presidente deve desembarcar na região de Corumbá e visitar dois municípios do Estado

Visita do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) à Mato Grosso do Sul está programada para a próxima terça-feira (18). Segundo a assessoria de imprensa do governo Federal, a agenda está prevista, mas informações como o cronograma ainda não serão repassadas. 

Segundo o  portal R7, Bolsonaro irá no 9º Grupo de Artilharia de Campanha de Nioaque e, depois, acompanhará uma cerimônia de inauguração da Estação Radar de Corumbá, no aeroporto do município.

Esta visita faz parte de várias visitas que o presidente tem feito pelo Brasil. Ao R7 Planalto, Bolsonaro falou sobre esse giro pelo País.

"O objetivo é andar pelo Brasil, conhecer os seus problemas, estar em contato com o povo brasileiro e mostrar também que eu sou a prova viva que esse vírus é uma realidade e você tem que encarar", disse.

Ele também defendeu o cuidado com a população mais idosa ou com comorbidades, os grupos de risco. 

"Vamos tomar cuidado com os mais idosos, quem tem comorbidades porque uma vez o vírus pegando nessas pessoas, as chances de óbitos crescem. Mas tem que encarar e tocar a vida porque pior que o vírus é o efeito colateral de políticas que não foram bem sucedidas em grande parte do Brasil", opinou.

Fonte: Redação Itaporã News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.