Rodovia MS-157, que liga Itaporã a Maracaju, só deve ser liberada após as 16h informa PMR

13/04/2018 13:24 Itaporã
Rodovia MS-157, que liga Itaporã a Maracaju, só deve ser liberada após as 16h informa  PMR
Rodovia MS-157, que liga Itaporã a Maracaju, só deve ser liberada após as 16h informa PMR


A Polícia Militar Rodoviária informou que a MS-157, que liga Itaporã a Maracaju, deverá ser liberada após as 16h de hoje (13). É necessário realizar a remoção da carreta, somente desta forma a pista estará livre para acesso.

A rodovia está bloqueada na atura da ponte do Rio São Domingos. O trajeto é muito utilizado por moradores de Itaporã e demais pessoas que pretende viajar até Campo Grande e principal quem busca ter acesso à região de Jardim e Bonito.

Entenda:

A carreta canavieira seguia no sentindo Maracaju-Itaporã, quando a 300 metros da ponte sobre o rio, o motorista perdeu o controle da direção após estourar o pneu em um buraco e tombou na pista.

A carreta parou sobre a ponte, interditando completamente a pista. O motorista Emanuel Augusto Carvalho de Matos, 29, morador no Barreirão, no município de Fátima do Sul, foi arremessado da cabine e morreu. 

O carro (Fiat Palio Adventure) que estava o reitor da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) Fabio Edir dos Santos, seguia no sentido contrário e foi atingido, porém ele o motorista Luiz Ramão, não tiveram ferimentos graves.

Identificado vítima fatal do acidente com carreta canavieira em Itaporã

Receba notícias do Itapora News pelo Whatsapp

Quer receber notícias no seu celular sem pagar nada? 1) adicione este número à agenda do seu telefone: (67) 9 9641 8820; 2) envie uma mensagem para este número por WhatsApp, informando seu nome e sobrenome.

Fonte: Redação Itaporã News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.