Próxima remessa do FGTS começa a ser pago na semana que vem

Nascidos nos meses de maio, junho, julho e agosto vão receber
22/09/2019 07:21 Economia
População prefere colocar dívidas em dia com o dinheiro do FGTS - Foto: Arquivo / Correio do Estado
População prefere colocar dívidas em dia com o dinheiro do FGTS - Foto: Arquivo / Correio do Estado

Segunda etapa do pagamento dos R$ 500 de cada conta ativa e inativa do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), para os nascidos em maio, junho, julho e agosto, começará a ser paga na próxima sexta-feira (27), nas agências da Caixa Econômica Federal e em locais autorizados. 

De acordo com o Superintendente da Caixa, Evandro Narciso de Lima, os três primeiros saques - 13 e 27 de setembro e 9 de outubro - são exclusivos para quem tem conta poupança na Caixa e correntistas que optaram por receber em conta corrente. “Esse é o momento mais tranquilo, porque as pessoas já estão recebendo na sua conta, elas podem vir sacar no autoatendimento, elas podem sacar numa loteria, elas podem comprar com cartão de débito”, disse ele, que também lembrou que a partir do dia 18 de outubro é que começará a ser pago para as pessoas que não conta e precisarão ir até as agências. 

Em Mato Grosso do Sul, 153.615 pessoas receberam os R$ 500 por conta e, na primeira etapa, foram injetados R$ 67.570.376,78. A Caixa Econômica Federal iniciou o depósito automático para quem tem conta poupança no banco, seguindo calendário de mês de nascimento (dos que nasceram entre janeiro e abril). 

Segundo levantamento realizado pelo Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento Fecomércio (IPF/MS), o sul-mato-grossense já tinha destino certo para o dinheiro proveniente do FGTS. A sondagem feita pelo órgão de pesquisa aponta que 52% da população do Estado realizou o saque, o que representa aporte de mais de R$300 milhões para a economia do Estado.

O motorista Maicon Gutierrez, de 34 anos, contou que com o dinheiro irá pagar a pensão alimentícia, água e luz da casa. “Esse dinheiro já faz a diferença no orçamento”, contou ele ao Correio do Estado. O mesmo destino terá o dinheiro da dona de casa Talita Paixão, de 28 anos. “Vou pagar as contas de água e luz. Comprar um gás que acabou e também roupas e sapatos para os meus filhos”, revelou.

Já a auxiliar de serviços gerais Raquel Alves, de 36 anos, contou vai quitar as dívidas com lojas de roupas e eletrodomésticos. “Veio muito em boa hora o dinheiro”, comemorou. Já o vendedor Luiz Bento, de 55 anos, foi uns dos primeiros a sacar o FGTS, logo que o banco abriu, às 9h. Ele vai usar o dinheiro para pagar uma parcela do seu automóvel. “Com o pagamento não deu para pagar o carro e vou aproveitar esse dinheiro. Vai tudo para pagar conta. Hoje em dia qualquer R$ 10 faz a diferença no bolso da gente”, disse ele.

 

Fonte: FÁBIO ORUÊ / Correio do Estado

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.