Diferença de preço do gás de cozinha chega a 77%, aponta levantamento

Preço mínimo do produto é de R$ 57,90, em Campo Grande, enquanto o mais caro foi encontrado a R$ 96 em Coxim.
10/02/2019 06:37 Economia
Preço médio do gás de cozinha subiu (Foto: Arquivo/Campo Grande News)
Preço médio do gás de cozinha subiu (Foto: Arquivo/Campo Grande News)

A dona de casa de Mato Grosso do Sul precisa ter paciência e pesquisar até achar o valor do gás de cozinha que caiba no bolso. A diferença de preço do botijão de 13 kg apresenta diferença de 77,77%, de acordo com levantamento da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) divulgado neste sábado (9).

Conforme a pesquisa, realizada entre 3 e 9 de fevereiro, o preço mínimo do produto é de R$ 57,90, em Campo Grande, enquanto o mais caro foi encontrado a R$ 96 em Coxim.

Na comparação semanal, o Estado registrou um acréscimo de 0,73% depois de duas consecutivas, atingindo preço médio de R$ 71,26 a unidade. O valor é 3,2% mais caro que a média nacional (R$ 69,05), mas 8,9% mais barato que a média do Centro-Oeste (R$ 77,65).

Entre os municípios pesquisados, o único que houve aumento no valor médio foi Campo Grande. Porém, a valorização foi significativa, 2,51%, chegando a R$ 68,17. Do outro lado, somente Dourados registrou queda no preço médio, 1,74%, custando ao consumidor R$ 70,34.

Não houve mudança de valor médio em Corumbá (R$ 85), Coxim (R$ 91,67), Nova Andradina (R$ 80,91), Ponta Porã (R$ 69) e Três Lagoas (R$ 58,86). O levantamento foi realizado em 115 estabelecimentos.

Fonte: Gabriel Neris / Campo Grandes News

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.