Irritados, médicos de Bolsonaro decretam fim de ‘entra-e-sai’

Afirmam que saúde do candidato requer atenção máxima
14/09/2018 08:12 Brasil
Roger, um dos que passaram pelo leito de Jair bolsonaro (reprodução/Reprodução)
Roger, um dos que passaram pelo leito de Jair bolsonaro (reprodução/Reprodução)

 

Pegou muito mal na equipe médica do hospital Albert Einstein, em São Paulo, a intensa agenda de visitas ao candidato à Presidência da República Jair Bolsonaro (PSL).

Os médicos proibiram a alta rotatividade dos últimos dias, que incluiu o cantor Roger e o pastor Silas Malafaia.

Argumentam que o estado de saúde em que Bolsonaro está é incompatível com tamanha movimentação.

Fonte: Veja

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.