Antes de morrer de covid-19, jovem manda áudio: ‘Vão desligar os aparelhos’

Ele mandou um áudio para a namorada após escutar os médicos afirmarem quem desligariam os aparelhos
05/07/2020 07:20 Brasil
‘Vão me entubar e eu vou morrer’, denunciou jovem um dia antes de morrer em Hospital de Campanha na Bahia
‘Vão me entubar e eu vou morrer’, denunciou jovem um dia antes de morrer em Hospital de Campanha na Bahia

Um dia antes de morrer vítima do novo coronavírus, Leandro Santos Azevedo, de 19 anos, fez uma denúncia sobre o atendimento médico que recebeu no Hospital de Campanha Wet’n Wild, em Salvador, na Bahia.

Ele enviou à família uma mensagem de áudio afirmando que a equipe médica planejava desligar seus aparelhos após entubá-lo. As informações são do G1. A família do jovem contou que ele testou positivo para a covid-19 um dia antes de morrer e, antes de ser entubado, mandou o áudio bastante assustado.

“Eles vão me entubar todo aqui, véi. Vão desligar o aparelho. […] Venha aqui amanhã”, disse em áudio enviado para a namorada, Talyta Fernandes. Durante a troca de mensagens, a moça pergunta para Leandro como ele está. Como resposta, o jovem comenta sobre a entubação. Ela então pergunta: “Você está entubado?”. E ele responde, também por áudio, que não está entubado e pede para ela ir ao hospital no dia seguinte. Talyta então pergunta o que Leandro está sentindo, e ele responde que está “bem melhor”. Em seguida, ele afirma que será entubado e que o aparelho seria desligado por três dias.

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.