WorkShop Brasil e Japão – Judô nas Escolas

O Workshop foi realizado nas cidades de Simões Filho-BA, Brasília-DF e Campo Grande-MS, onde estavam presentes os professores de Judô Kely Yada Garcia, e Wisnton Albres Garcia, acompanhados da atleta Gabriela Cortez Almeida, da Associação Yada de Judô representando o município de Itaporã em tão grande evento de judô nacional.
21/02/2020 17:09 Itaporã

Com o intuito de incentivar a prática do Judô nas escolas públicas do Brasil, representantes japoneses chegaram em nosso país no dia 13 de fevereiro, para mais uma rodada de aulas do Workshop Judô nas Escolas, que se trata de um programa de intercâmbio Brasil-Japão incentivado pelo projeto Sport For Tomorrow, do Japan Sport Council, fruto de uma parceria entre a Confederação Brasileira de Judô, o Instituto Kodokan do Brasil e a Embaixada do Japão no Brasil, visando apresentar os métodos do ensino do judô nas escolas do Japão, para que os dirigentes e professores possam incrementar esta metodologia nas escolas públicas brasileiras.

O Workshop foi realizado nas cidades de Simões Filho-BA, Brasília-DF e Campo Grande-MS, onde estavam presentes os professores de Judô Kely Yada Garcia, e Wisnton Albres Garcia, acompanhados da atleta Gabriela Cortez Almeida, da Associação Yada de Judô representando o município de Itaporã em tão grande evento de judô nacional.

A delegação japonesa era composta pelos o professor Hirotaka Okada, head coach da Universidade de Tsukuba, bicampeão mundial e medalhista olímpico, acompanhado do senhor Ryosuke Kimura, integrante do Ministério da Educação, Cultura, Esporte, Ciência e Tecnologia do Japão, do professor Uichiro Umakakeba e ainda do professor e atleta Kenzo Tagawa, atual nº 3 no ranking japonês e d

Sensei Okada, através de demonstrações práticas sobre os princípios básicos do judô, e de uma metodologia de ensino com cuidado especial em relação à segurança dos alunos iniciantes no judô, deu ênfase na apresentação de uma proposta do judô pedagógico voltado a educação com disciplina.  

O criador do Judô, o Shihan Jigoro Kano implementou desde o seu início  em 1882,  a filosofia de tratar-se de um esporte com o fim educacional, e é assim que o Judô é reconhecido no Japão, mantendo a essência para o qual foi idealizado, e continua sendo um dos esportes olímpicos mais praticados.

 Itaporã atualmente possui os Projetos de Judô Caminho Suave, iniciado em 2018, desenvolvido em parceria da Associação Yada de Judô com o Fórum da comarca de nossa cidade, e o Projeto de Judô promovido pela Secretaria estadual de Educação na Escola Estadual Rodrigues Alves que já vem acontecendo desde o ano de 2014, com as aulas sendo reiniciadas no próximo mês de março, estando ambos sob a orientação da professora Kely Yada, a qual afirmou que os conhecimentos adquiridos no  Workshop vão contribuir em muito para a evolução do Judô  Itaporanense.

Fonte: Itaporã News com

COMENTÁRIOS

Usando sua conta do Facebook para comentar, você estará sujeito aos termos de uso e politicas de privacidade do Facebook. Seu nome no Facebook, Foto e outras informações pessoais que você deixou como públicas, irão aparecer no seu comentário e poderão ser usadas nas plataformas do Itaporã News.